História

A história do Hotel Pousada Fazendinha nasceu do amor do casal Paulo e Cecília. Quando a Dona Cecília se aposentou, saíram a procura de um lugar onde poderiam reunir a família nos finais de semana e férias.

O Dr. Paulo, advogado ainda na ativa, fazia sempre uma exigência: “precisa ter nascente de água”, ” espaço para uma pequena criação”, “dona Cecília gosta de horta de cheiro e verduras fresquinhas”.  O corretor começou ao pé da Serra da Cantareira em São Paulo e acabou chegando a Nazaré Paulista, cerca de 80 km.

O local ainda abandonado, a beira da recém formada Represa do Atibainha, fez brilhar os olhos do Dr. Paulo e Dona Cecília. Um lugar que iria marcar para sempre este casal.

Dr. Paulo pôs a mão na massa e logo adquiriu trator para começar a terraplanagem. Dona Cecília instruiu a caseira para melhorar e ampliar a horta que continha apenas xuxu, salsinha e couve.

Logo estavam com algumas vacas produzindo leite, da horta se colhia alface, cenoura, rabanete, beterraba, tomatinhos, cebolinha, salsinha, rúcula, tomilho, manjericão.

Com a terraplanagem pronta construiu-se uma pequena casa para o casal e dois chalés para os filhos já casados e seus netos.

Os filhos eram acompanhados pelos amigos e esses se interessaram em alugar os chalés, que nessa época tinha, cada um, uma cozinha completa.

O negocio familiar que começou por acaso, cresceu e uma coisa foi puxando a outra e assim vieram mais chalés e o restaurante, que era apenas um espaço gourmet de convivência.

Dona Cecí lia se especializou em queijos e sobremesas, seu pudim de leite fez lenda.

O restaurante cresceu até triplicar sua capacidade e foi dele o capital para a construção dos 8 apartamentos.

O casal empreendedor que queria apenas um local para confraternização da família, se viu empolgado com um novo empreendimento na aposentadoria.